• quarta, 24 de abril de 2024
  • Céu limpo - Atualizado: 00:15 - 24/04/2024 24°
www.feedis.com.br

CJ Selecta é primeira empresa da América Latina a receber financiamento verde do JP Morgan

Fornecedor líder de proteínas de soja garante financiamento à exportação com base em resultados de sustentabilidade

Com investimentos direcionados e resultados bem documentados em sustentabilidade, a CJ Selecta garantiu um acordo de financiamento às exportações com termos muito competitivos de um dos maiores grupos financeiros do mundo, o JP Morgan Chase Bank. A empresa, sediada em Uberlândia (MG), é uma das líderes mundiais em fornecimento de concentrado de proteína de soja para a indústria agrícola, em especial aquicultura.

“Estamos satisfeitos que as grandes instituições financeiras ofereçam cada vez mais às empresas que conseguem demonstrar um impacto positivo na sociedade condições competitivas e atrativas”, afirma o CEO da CJ Selecta, Guilherme Tancredi.

 Acordo com JP Morgan

O acordo foi celebrado após aprofundadas análises realizadas pela Instituição Financeira de Desenvolvimento JP Morgan, que avalia as oportunidades de investimento de acordo com os objetivos de sustentabilidade da ONU.

“O acordo sobre financiamento às exportações nos coloca numa posição ainda melhor para gerir eficazmente o fluxo de caixa da empresa. Estamos muito orgulhosos de que, com este acordo, o JP Morgan reconheça o nosso compromisso em desenvolver uma cadeia de valor totalmente transparente para o concentrado de proteína de soja sustentável, desde o agricultor de soja até à exploração agrícola”, afirma Tancredi.

Liderando o caminho no Brasil

Antes de firmar o acordo, o JP Morgan colaborou com a CJ Selecta para desenvolver uma estrutura a fim de medir a contribuição da empresa para a promoção do desenvolvimento socioeconômico no Brasil. Acredita-se que a CJ Selecta seja a primeira empresa agrícola brasileira a receber tal avaliação e também na América Latina.

Espera-se que o acordo entre as empresas apoie os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) nº 2, nº 7, nº 8, nº 9 e nº 15 da ONU, relacionados à agricultura sustentável, energia limpa e acessível, boas condições de trabalho e crescimento econômico, infraestruturas robustas e conservação florestal.

O JP Morgan atribui aos seus investimentos uma pontuação de intensidade. O acordo entre JP Morgan e CJ Selecta tem pontuação 'Alta' de acordo com a metodologia do JP Morgan.

Fortalece ainda mais os esforços

O acordo com o JP Morgan apoia e fortalece os esforços da CJ Selecta em áreas como a biodiversidade na agricultura, o não-desmatamento na Amazônia, a produção de energia renovável, a redução das emissões de gases com efeito de estufa e o objetivo de uma cadeia de valor completamente transparente até 2025.

Sobre a CJ Selecta

Desde 1984, a CJ Selecta atua com pioneirismo na fabricação de produtos derivados de soja para diversos segmentos. Com sede em Uberlândia (MG), uma unidade industrial em Araguari (MG), um escritório comercial em São Paulo (SP) e várias filiais espalhadas pelo Brasil, a companhia é hoje umas das maiores exportadoras de Concentrado de Proteico de Soja (SPC, na sigla em inglês soy protein concentrate), com fontes de soja transgênica e não-transgênica.

Em 2017, a empresa passou por uma grande transformação após ter seu controle operacional adquirido pelo grupo sul coreano CJ CheilJedang. Até então conhecida como Sementes Selecta, a companhia passa a se chamar CJ Selecta, tornando-se parte de um dos maiores conglomerados do mundo em alimentos, produtos farmacêuticos, biotecnologia, entretenimento, mídia, compras para casa e logística.

Hoje, a companhia faz parte da CJ Bio Division, líder global em biociência a partir do desenvolvimento de produtos que atendem às necessidades do cliente com base na biotecnologia sustentável. Com foco em oferecer soluções ambientalmente amigáveis, nos últimos 50 anos a empresa vem trabalhando no desenvolvimento de tecnologias de ponta para microorganismos, se tornando referência no mercado de aminoácidos alimentares e nucleotídeos fermentados para alimentos. Mais informações: https://www.cjselecta.com.br/

Publicidade