• tera, 23 de abril de 2024
  • Sol - Atualizado: 21:00 - 23/04/2024 29°
www.feedis.com.br

Maior presença de percevejo marrom pode gerar prejuízo de R$ 12 bilhões à soja 

A UPL, fornecedora global de soluções agrícolas sustentáveis, alerta os agricultores sobre a alta pressão do Euschistus Heros – popularmente conhecido como percevejo marrom da soja –, uma das pragas que mais gera prejuízos ao cultivo e que já se mostra um dos principais inimigos fitossanitários da safra 2023/2024. 

O percevejo marrom possui comprimento de 1,5 a 2 cm mas, apesar do tamanho, causa terríveis danos às lavouras ao se alimentar diretamente das vagens da soja. As perdas são significativas. As perfurações causadas pelo inseto permitem que patógenos entrem e infectem as plantas. 

De acordo com a Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), o percevejo marrom está presente em todas as regiões agrícolas do país e pode reduzir em até 30% o potencial produtivo, além de prejudicar a qualidade das sementes. As perdas são estimadas em mais de R$ 12 bilhões por safra. 

Primavera mais quente que o normal, El Niño, dessecação de ervas daninhas malfeitas, que são hospedeiras desse percevejo, e o fato de que a soja pré-emergente não receber inseticidas devido à seca estão entre os motivos que explica o aumento da pressão desse inseto. A recomendação da UPL é que os agricultores utilizem um inseticida de amplo espectro para controlar essa praga e proteger a plantação. 

Publicidade